top of page
gastric reflux (12).png

Septoplastia: cirurgia para a correção do desvio de septo nasal e obstrução nasal

Problemas com desvio de septo ou obstrução nasal?

Conte conosco para ajudar.

 

Nossa equipe de otorrinolaringologistas especializados está pronta para lhe atender. Fazemos a septoplastia remodelando as áreas ósseas e cartilaginosas em que o septo nasal se encontra desviado, tornando-o centrado.

Agende hoje mesmo sua consulta com um otorrinolaringologista especialista em septoplastia

Saiba mais sobre a cirurgia do desvio de septo

 

O que é septoplastia?

Septoplastia é um procedimento cirúrgico que tem como objetivo corrigir o desvio do septo nasal, uma frequente causa de obstrução nasal crônica, que não responde positivamente ao tratamento clínico.

Essa alteração da anatomia interna do nariz pode dificultar a passagem do ar por uma ou ambas fossas nasais, gerando grande prejuízo na qualidade de vida do paciente.  

Como a septoplastia é realizada?

Atualmente, existem variadas técnicas cirúrgicas, que são escolhidas conforme o tipo de desvio de septo nasal do paciente. Não é realizada nenhuma incisão externa na pele, sendo toda a cirurgia é feita por dentro das cavidades nasais, com auxílio do endoscópio, o que proporciona um amplo campo de visão. Essa cirurgia tem por finalidade a remodelação das áreas ósseas e cartilaginosas em que o septo nasal se encontra desviado, tornando-o centrado.

 

Em alguns casos, este procedimento é associado à turbinectomia ou turbinoplastia (ressecção parcial das conchas nasais) para proporcionar maior facilidade a passagem do ar.

No pós operatório, a lavagem nasal com soro fisiológico em abundância deve ser empregada.  

A cirurgia é dolorida?

A septoplastia, na maioria dos casos, é realizada  sob anestesia geral, ou seja, o paciente permanece dormindo e não sente dor durante o procedimento cirúrgico. O pós operatório também não costuma ser acompanhado dor.

E quais são os cuidados pós-operatórios necessários após cirurgia de correção do desvio de septo nasal?


O principal cuidado que o paciente necessita realizar é a lavagem nasal com solução fisiológica várias vezes ao dia na quantidade estipulada pelo seu otorrinolaringologista. A dieta e a mobilidade não se alteram, não há necessidade de cuidadores paras as necessidades básicas.
Deve-se ter o cuidado de restringir atividades físicas devido ao risco de sangramento. Geralmente na primeira semana o esforço físico deve ser mínimo. Atividades mais intensas como academia e esportes devem ser retornadas apenas com liberação do cirurgião.

Nossa equipe de especialista está preparada para explicar os riscos e benefícios dessa cirurgia, assim como a forma mais segura possível de realizá-la.

 

Para mais informações, veja o vídeo abaixo e entenda melhor como é realizado o procedimento. 

Caso queira receber as nossas orientações pré-operatórias, para ter uma cirurgia mais segura, deixe seu e-mail aqui que  lhe enviamos.

Perguntas frequentes e importantes sobre septoplastia: a cirurgia para correção do desvio de septo nasal

 

O que é a cirurgia do septo nasal?

A cirurgia do septo nasal é um procedimento médico que corrige o desvio de septo, que é quando a parede que separa as duas passagens nasais é deslocada para um dos lados, causando dificuldade respiratória e outros sintomas.

Como é realizada a cirurgia do septo nasal?

A cirurgia do septo nasal é realizada através de uma incisão dentro do nariz, sem deixar cicatrizes externas. O cirurgião remove ou realinha o osso e a cartilagem desviados para que a passagem nasal fique mais livre.

Qual é o objetivo da cirurgia do septo nasal e como ela é realizada?

O objetivo da cirurgia do septo nasal é corrigir o desvio de septo e melhorar a respiração nasal. A cirurgia é realizada através de uma incisão dentro do nariz, sem deixar cicatrizes externas. O cirurgião remove ou alinha o osso e a cartilagem desviados para que a passagem nasal fique mais livre.

É necessário ficar internado no hospital após a cirurgia?

Geralmente, a cirurgia do septo nasal é realizada em regime de hospital-dia, o que significa que o paciente pode ir para casa no mesmo dia. No entanto, em alguns casos, pode ser necessário um período de internação mais longo.

Qual é o tempo de recuperação após a cirurgia do septo nasal?

O tempo de recuperação após a cirurgia do septo nasal varia de paciente para paciente, mas geralmente leva de uma a duas semanas. Durante esse período, o paciente pode precisar evitar atividades físicas intensas e seguir as orientações do médico em relação ao uso de medicamentos e cuidados pós-operatórios.

Quanto tempo leva para sentir uma melhora nos sintomas respiratórios após a cirurgia?

Geralmente, os pacientes relatam uma melhora imediata na respiração nasal após a cirurgia do septo nasal. No entanto, pode levar algumas semanas para que a respiração retorne completamente ao normal.

Haverá dor após a cirurgia do septo nasal?

É comum sentir algum desconforto e dor após a cirurgia do septo nasal. O médico pode prescrever medicamentos para aliviar a dor e o inchaço.

Quais são os possíveis riscos e complicações da cirurgia do septo nasal?

Como qualquer procedimento cirúrgico, a cirurgia do septo nasal apresenta alguns riscos e complicações, como infecção, sangramento excessivo, alterações na sensação olfativa ou paladar e problemas de cicatrização.

A cirurgia pode afetar o sentido do olfato ou do paladar?

Em alguns casos, a cirurgia do septo nasal pode afetar temporariamente o sentido do olfato ou paladar. No entanto, isso geralmente é temporário e se resolve com o tempo.

Quais são as restrições e cuidados necessários no pós-operatório da cirurgia do septo nasal?

Durante o período de recuperação, é importante evitar atividades físicas intensas, exposição ao sol e situações que possam aumentar o risco de sangramento nasal, como assoar o nariz com muita força.

Como é a experiência de ter um tampão nasal e quanto tempo ele precisa ficar no lugar?

Durante a cirurgia, pode ser colocado um tampão nasal, que é um curativo interno que ajuda a controlar o sangramento e a manter as estruturas nasais no lugar. O tampão geralmente é removido dentro de dois dias após a cirurgia e pode ser desconfortável, mas não deve ser doloroso. Após a remoção do tampão, o paciente pode sentir um pouco de congestão nasal e secreção nasal, mas isso geralmente melhora com o tempo.

Existe alguma restrição de medicação antes da cirurgia?

Antes da cirurgia, o paciente deve informar o médico sobre todos os medicamentos que está tomando, incluindo medicamentos prescritos, medicamentos sem prescrição médica e suplementos nutricionais. Alguns medicamentos, como a aspirina e os anti-inflamatórios não esteróides (AINEs), devem ser evitados antes da cirurgia, pois podem aumentar o risco de sangramento.

 

Qual é a probabilidade de a cirurgia do septo nasal resolver os sintomas do paciente?

A cirurgia do septo nasal pode ajudar a melhorar a respiração nasal, reduzir o ronco e diminuir a intensidade e a frequência dos sintomas de obstrução nasal, como dores de cabeça e sinusite. No entanto, os resultados podem variar de pessoa para pessoa e nem todos os pacientes experimentam melhora significativa. O médico pode avaliar a gravidade dos sintomas do paciente e determinar se a cirurgia é uma opção adequada de tratamento.

Qual é a probabilidade de a cirurgia precisar ser repetida no futuro?

A necessidade de uma nova cirurgia do septo nasal pode depender de diversos fatores, incluindo a gravidade da condição do paciente, a técnica cirúrgica utilizada e a habilidade do cirurgião. Em alguns casos, pode ser necessário realizar uma nova cirurgia para corrigir problemas persistentes ou novos problemas que possam surgir. No entanto, muitos pacientes não precisam de uma nova cirurgia após a primeira intervenção.

Qual é a taxa de sucesso da cirurgia?

A taxa de sucesso da cirurgia do septo nasal pode variar de acordo com o objetivo da cirurgia e as condições do paciente. É importante lembrar que cada caso é único e que o paciente deve sempre discutir suas preocupações e expectativas com o médico antes de realizar a cirurgia. Além disso, seguir corretamente as recomendações do pós-operatório pode ajudar a garantir uma recuperação adequada e reduzir o risco de complicações.

Se você está considerando a cirurgia do septo nasal ou tem alguma dúvida sobre o procedimento, consulte um médico especialista em otorrinolaringologia para avaliar suas opções de tratamento.

bottom of page