Conheça os Sintomas de Rouquidão!

Na maioria das vezes, nosso corpo dá alguns sinais de alerta, anunciando que algo não está indo bem. No caso da rouquidão, por exemplo, pode ser um problema simples ou algo mais sério. Por isso, procurar um profissional médico otorrinolaringologista é a melhor maneira para descobrir a causa exata da sua rouquidão.


Para que você possa entender um pouco mais sobre esse assunto, trouxemos algumas explicações, confira:

A laringe, que conecta a faringe à traqueia, quando inflamada, resulta, normalmente, em rouquidão da voz, pois é onde as pregas vocais estão situadas. A maioria dos casos de laringite ocorre por infecção viral ou excesso de esforço vocal e pode ter curta duração ou tornar-se crônica, quando ses mantém por mais tempo.


As lesões e inflamações da laringe podem ser causadas por sinusite recorrente, ingestão excessiva de álcool, uso de tabaco, uso abusivo da voz, fumaças, refluxo gastresofágico, processos alérgicos, entre outros.


Para recuperar-se de uma laringite, é indicado não usar a voz, para não sobrecarregar as pregas vocais até que elas desinflamem, além da ingestão de líquidos para hidratar a região e, nos casos de refluxo do conteúdo estomacal, alguns cuidados com a alimentação.


O tratamento à base de medicamentos deve ser indicado pelo médico após avaliar o paciente.


Em caso de refluxo gastroesofágico, por exemplo, para tratar a laringite, o paciente deve tratar também o estômago.


Casos de infecção bacteriana em que o tratamento não é realizado de forma adequada, o paciente pode ter o quadro agravado.


Sendo assim, é muito importante evitar a automedicação!

Responsável técnico: Dr. Bruno Rossini (CRM-SP 115697; RQE:34828). Médica do corpo clínico: Dra. Renata Curi (CRM-SP 131439; RQE:38657).

8 visualizações

CONTATO:

  • facebook ototone
  • instagram otoone
  • youtube otoone
  • Dr. Bruno Rossini
  • Dra. Renata Curi

Endereço: R. Cubatão, n°86, conj. 1407
Bairro: Paraíso | São Paulo/SP

Fone: (11) 4301-6874 | 2389-7016 | 99949-7016
Email: contato@otovita.com.br